Canadá, Esporte, Personalidade

Você conhece Terry Fox?

Terrance Stanley Fox nasceu em 28 de julho de 1958 em Winnipeg, na província de Manitoba. Ele tinha um irmão mais velho, Fred e um irmão e uma irmã mais novos, Darrell e Judith.

Criado em Port Coquitlam, na província de British Columbia, Terry era um adolescente ativo e apaixonado por esportes. Em 1977, aos 18 anos de idade, foi surpreendido com o diagnóstico de osteossarcoma, popularmente conhecido como câncer nos ossos. Apenas 6 dias depois, a progressão da doença levou-o a amputar sua perna direita.

Durante o período que passou no hospital, Terry foi tomado pelo sofrimento de outros pacientes com câncer, principalmente as crianças, e decidiu que faria algo para ajudá-los. Assim surgia a “Maratona da Esperança”, uma corrida que visava arrecadar fundos para financiar as pesquisas no combate ao câncer.

“Quando comecei a corrida, eu disse que se todos os canadenses doassem 1 dólar, teríamos 22 milhões de dólares para as pesquisas no combate ao câncer. Não existem razões para que isso não seja possível. Simplesmente não existem.”

Depois de longos e árduos 18 meses de preparação, Terry começou a corrida em St. John’s, na província de New Foundland, em 12 de abril de 1980. Embora o começo de sua jornada tenha sido um pouco tímido, logo ele começou a atrair a atenção do público e as primeiras doações vieram.

Terry e seu amigo Doug Alward, em St. John's, Newfoundland, em 12 de abril de 1980, primeiro dia da maratona

Terry e seu amigo Doug Alward, em St. John’s, Newfoundland, em 12 de abril de 1980, primeiro dia da maratona

Ele correu aproximadamente 42 Km por dia e passou por 6 das 13 províncias canadenses – New Foundland, Prince Edward Island (PEI), Nova Scotia, New Brunswick, Québec e Ontário. Depois de 143 dias e com o total de 5.373 Km percorridos, Terry foi forçado a abandonar a maratona no dia primeiro de setembro, ao descobrir que o câncer havia chegado aos pulmões.

“As pessoas ainda estavam ao longo da estrada me dizendo ‘Continue, não desista, você consegue, nós estamos com você’. Não consigo ouvir coisas assim e simplesmente ignorá-las… Tinha uma equipe de cinegrafistas um pouco mais a frente, esperando conseguir uma imagem minha. Eu acho que eles não perceberam que filmariam meus últimos passos… as pessoas ainda diziam ‘Você consegue ir até o fim, Terry’. Eu pensei nessas palavras de apoio naquele último quilômetro. Eu pensei – este pode ser mesmo o último.”

Terry Fox em Montreal River Hill - Foto de Ed Linkewich

Terry Fox em Montreal River Hill – Foto de Ed Linkewich

Terry não conseguiu cruzar o Canadá de costa a costa, como havia idealizado, mas conseguiu sem dúvida, deixar um legado que marcou toda uma geração de canadenses e que perdura com força até os dias de hoje. Terry faleceu em 28 de junho de 1981, aos 22 anos e deixou seu sonho para a posteridade.

“Mesmo que eu não chegue até o fim, precisamos continuar. Isso tem que continuar sem mim.”

E continuou. Até hoje, mais de 650 milhões de dólares já foram arrecadados em nome de Terry. Conheça mais sobre sua história e o trabalho de sua organização.

Fontes:
http://www.terryfox.org/